fbpx

A Santa Casa tem espaço para receber os leitos do Centro de Referência? Sim, responde diretor clínico do hospital.

O diretor clínico da Santa Casa de Misericórdia de Penápolis, Dr. Sidnei Albergard, afirmou na noite dessa segunda-feira (27), que o centenário hospital tem condições de receber os 10 leitos de UTI Adulto e 20 leitos clínicos do Centro de Referência do Covid-19.

Após o presidente da Câmara de Vereadores, Dr. Ivan Eid Sammarco (DEM), perguntar sobre se a Santa Casa teria espaço para receber o Centro de Referência, o diretor respondeu “Sim”.

Os diretores clínico e técnico da Santa Casa de Misericórdia participaram da sessão ordinária do Poder Legislativo, como convidados especiais para responderem questionamentos técnicos sobre a própria Santa Casa.

No inicio dos questionamentos, Dr. Albergard disse que logo após começou os primeiros casos do Covid-19 em São Paulo, a equipe médica da Santa Casa elaborou protocolo para melhor conter o vírus. “Antes mesmo da história do hospital, nós já havíamos nos adaptado para receber a possível demanda”, explica o diretor clínico.

LEITOS

Segundo o diretor clínico, a Santa Casa possui 46 leitos na ala “B”; 8 leitos na pediatria podendo ampliar para 10 e se caso for necessária, mais 36 leitos da ala particular, totalizando 92 leitos disponíveis. Além dos 10 leitos de UTI adultos já credenciados no hospital. “Hoje a quantidade de leitos supre as necessidades da Santa Casa. Mas vale lembrar, hoje”, explica o diretor.

Imagem/Câmara de Vereadores de Penápolis

A UNIMED ESCLARECE AOS PENAPOLENSES

Em razão do amplo noticiário local, referente ao ocorrido nas instalações do antigo HOSPITAL DR LUIZ VALENTE, anteriormente ocupado pela Cooperativa UNIMED PENÁPOLIS, esta vem a público esclarecer o quanto segue:

1- A UNIMED, desde a data de 06/01/2019 não mais realiza atendimentos na unidade Hospitalar citada. Quanto ao imóvel onde estava instalado o referido Hospital, informamos que o terreno do fundo, com área total de 2.078,41 m², pertence à cooperativa UNIMED.

2- Que ao desativar os serviços médicos naquela unidade, restaram guarnecidos em espaço próprio para a finalidade, Tanque de Oxigênio liquido de propriedade da White Martins cuja validade encontra-se VENCIDA, não podendo ser aproveitado em sua destinação, ou seja, de restabelecer o equilíbrio respiratório dos pacientes.

3- Ainda quanto ao Aparelho Gerador de Energia, também guarnecido no citado Hospital foi adquirido em 2008 pela UNIMED. Por sua vez, face ao desuso e inatividade, necessita de reparos e manutenção técnica para a reutilização.

4- Desta forma ressaltamos que os bens citados integram o rol patrimonial da UNIMED, a quem exclusivamente compete lhes dar a destinação e uso, conforme necessidade própria. Importante esclarecer ainda que todo o patrimônio adquirido pela UNIMED durante os dez anos que permaneceu no Hospital Luiz Valente, já com as atividades encerradas em 06/01/2019 foram transferidos para uso da Santa Casa de Penápolis sem nenhuma forma de contraprestação.

5- Assim a UNIMED esclarece que se nova destinação hospitalar vier a ser dada ao imóvel de propriedade da Família VALENTE, é recomendável que se proceda à revalidação técnica dos materiais de uso hospitalar (RDC 50 – Manutenção Preventiva) bem como as instalações do local, sujeitas a Desinfecção e Descontaminação, notadamente dos dutos condutores de Oxigênio e principalmente nesse período de Contágio Viral do COVID 19, COMO FORMA DE IMPEDIR O MAIOR CONTÁGIO DOS POSSÍVEIS PACIENTES E A MELHOR RECUPERAÇÃO DOS MESMOS.

6- Por fim cumpre esclarecer que em momento algum foi solicitado para a UNIMED de Penápolis a utilização dos equipamentos, razão pela qual a retirada dos objetos se deu de forma lícita e legítima.

A UNIMED AGRADECE A CONFIANÇA DOS PENAPOLENSES E REITERA SUA DISPOSIÇÃO EM SEMPRE CONTRIBUIR PARA O BEM ESTAR E A SAÚDE DE TODOS.

A Diretoria Executiva

Gabinete de Rodrigo Garcia diz que se necessário irá disponibilizar leitos para Penápolis

O gabinete do vice-governador do Estado de São Paulo, Rodrigo Garcia (DEM), afirmou na tarde dessa quinta-feira (16), que se necessário poderá disponibilizar os leitos hospitalares para o município de Penápolis. A resposta foi obtida com exclusividade pelo Blog do Faria.

De acordo com o governo, o gabinete do vice-governador e a Secretaria de Desenvolvimento Regional receberam a demanda da Prefeitura de Penápolis. Diferente da Secretaria de Saúde do Estado que afirmou nesta terça-feira (14), que a administração municipal não havia enviado o Plano de Trabalho com os custos operacionais para a implantação do Centro de Referência do Covid-19.

Ainda de acordo com o gabinete, os novos leitos para tratamento de indivíduos com sintomas de Covid-19 constam no Plano de Contingência Regional da Diretoria Regional de Saúde de Araçatuba. “Se necessário, poderemos sim vir a disponibilizar tais leitos hospitalares em Penápolis, a possibilidade consta do referido Plano”, salienta a nota.

PLANO

De acordo com o governo estadual, o Plano de Contingência para o enfrentamento da pandemia de Covid-19 visa contribuir para a otimização dos recursos disponíveis e ampliar a capacidade de atendimento mediante ações de saúde voltadas à identificação, notificação e manejo oportuno de casos suspeitos de infecção pelo novo Coronavírus, bem como a prevenção e atenção ao paciente de forma compartilhada entre gestores de instituições públicas municipais e estaduais e prestadores de serviços de saúde.

LEITOS

O que o Blog do Faria apurou é que o Plano de Contingência Regional da Diretoria Regional de Saúde de Araçatuba (DRS II) traz, entre outras informações, os números de casos registrados, bem como, as suas projeções e os números de leitos disponíveis atualmente, os números de leitos para o funcionamento para habitação imediata, bem como, aqueles que estão em fase de estruturação, para funcionamento e habilitação posterior – que são os casos dos atuais 30 leitos, sendo 10 de UTI e 20 de enfermaria.

De acordo com a relação de unidades hospitalares e quantitativo de leitos clínicos e de UTI existentes e para ampliação, contido na deliberação 26 da Comissão Integestores Bipartite (CIB), da Secretaria de Saúde do Estado de São Paulo, a Santa Casa de Penápolis possui 74 leitos clínicos, sendo 52 do SUS (Sistema Único de Saúde), podendo ampliar em mais 31 leitos.

Já nos leitos de UTI Adulto, o hospital possuía 8 leitos, todos do SUS e foi ampliado em mais dois recentemente, totalizando 10 leitos de UTI. Além disso, conta no documento, a ampliação de 10 novos leitos, contudo requer equipamento ou Recursos Humanos.

Governador João Dória prorroga quarentena até 22 de abril

O governador João Dória (PSDB) anunciou a prorrogação da quarentena até o próximo dia 22 de abril. A determinação entra em vigor a partir da quarta-feira (8). A informação foi anunciada durante coletiva de imprensa no início da tarde dessa segunda-feira (6), em São Paulo.

“Sim, a prorrogação da quarentena será feita por mais 15 dias no estado de São Paulo, do dia 8 de abril a 22”, afirmou João Dória. “Isso é constitucional, é uma determinação que deve ser seguida por todos os municípios do estado”.

Quatro secretários municipais de Penápolis deixam cargos por causa das Eleições 2020

Quatro secretários municipais de Penápolis deixaram os cargos para possivelmente participarem das eleições municipais desse ano. As exonerações serão publicadas em Diário Oficial do Município ainda nesta segunda-feira (6).

Os secretários exonerados foram o de Esporte, Lazer e Juventude, Paulo Henrique Sanches; o da Cultura e Turismo, Luiz Carlos Colevatti; o presidente do Departamento Autônomo de Água e Esgoto de Penápolis (Daep), Edson Bilche Girotto (Batata) e; o secretário de trânsito e mobilidade urbana, Mauro Olímpio dos Anjos.

De acordo com a legislação eleitoral, pessoas que possuem cargos públicos devem se desligar da administração pública seis meses antes das eleições.

O Blog do Faria ligou para o Prefeito de Penápolis, Célio de Oliveira (sem partido), às 11h50 e depois enviou mensagens via WhatsApp perguntando sobre as possíveis substituições nas quatro secretarias, mas, o mesmo não respondeu as mensagens até a publicação da matéria.

Atualização

O prefeito de Penápolis, Célio de Oliveira (sem partido), informou ao Blog do Faria que fará até nesta terça-feira (7), uma nota tratando sobre as substituições.

Empresário com Coronavírus morre na Santa Casa de Penápolis

O empresário Mário Salem, de 53 anos, que estava internado na UTI da Santa Casa de Misericórdia de Penápolis, por Coronavírus (Covid-19) morreu na noite dessa sexta-feira (03) A informação foi publicada por uma prima do paciente em numa rede social.

A confirmação de que ele havia contraído a doença foi divulgada na última sexta-feira (27), quando ele foi transferido para a Unidade de Terapia Intensiva do hospital, sendo inclusive entubado. Ele havia dado entrada no hospital no domingo, 22 de março.

O exame foi coletado em 23 de março, às 10h30, tendo o resultado disponibilizado pelo Instituto Adolfo Lutz que testou positivo para SARS – Cov 2.

De acordo com informações repassadas por familiares do paciente, ele esteve em viajem em um cruzeiro. Todas as pessoas que tiveram contato com o paciente permanecem em quarentena e recebendo todas as orientações da Secretaria Municipal de Saúde.

apoie o jornalismo independente