fbpx

Caíque Rossi nomeia irmã, marido e cunhado da vice Mirela Fink em Comitê do Coapes

O prefeito de Penápolis, Caíque Rossi (PSD), nomeou a vice-prefeita Mirela Fink (Podemos), bem como, a irmã, o marido e cunhado de sua substituta direta, para compor o Comitê Gestor do Coapes – Contratos Organizativos de Ação Pública Ensino-Saúde.

A portaria 120 de 18 de março de 2021, foi publicada no Diário Oficial do Município de Penápolis, somente nesta segunda-feira, dia 22.

De acordo com a publicação, foram nomeados 16 membros para compor o comitê que pretende fortalecer a integração entre ensino, serviços da comunidade no âmbito do Sistema Único de Saúde.

Entre as indicações estão a Dra. Daniela Fink, irmã da vice-prefeita e coordenadora do curso de medicina da Funepe, bem como, Almir Ruffato, marido e professor assistente do curso de medicina e Francisco Bassalobre, cunhado e professor na Funepe.

Além deles, estão os secretários de saúde, Luiz Washington Bozzo e de Governo, Thiago Mazucato – ambos professores na Funepe; dois servidores municipais da saúde; um servidor comissionado da gestão municipal e outros sete professores do curso de medicina.

COMITÊ

Além de indicar parentes da vice-prefeita Mirela Fink ao Comitê, a gestão municipal feriu o parágrafo 1º, do art. 9 da portaria interministerial 1.127 de 2015, na qual, instituiu diretrizes para celebração dos Coapes.

De acordo com a portaria, o Comitê Gestor deverá ser composto por representantes de diversos segmentos entre eles, estudantes e usuários do SUS – não contemplados na portaria publicada nesta segunda-feira.

O Comitê Gestor é um espaço de construção e discussão para acompanhamento, monitoramento e implementação do Coapes.

PARCERIA

O contrato do Coapes entre a Funepe e a Secretaria Municipal de Saúde de Penápolis foi assinado no mesmo dia em que o prefeito Caíque Rossi sancionou a lei 2.495 de 2021 que autorizou o município a celebrar convênio ou contrato com a Funepe para a implantação do programa.

O contrato é válido por 5 anos a partir do dia 4 de março.

COAPES

De acordo com o governo federal, o Coapes pretende qualificar a integração ensino-serviço e a educação permanente nos territórios envolvendo pactuação entre instituições de ensino e gestores do SUS municipais, estaduais e federais.

Participam do Coapes os municípios interessados em ofertar a sua rede enquanto campo de prática para estudantes de graduação e/ou residência.

Participam também as instituições de ensino que possuem cursos de graduação na área da saúde e programas de residência médica e multiprofissional interessados em discutir e qualificar a inserção do estudante na rede e a integração ensino e serviço.

“O objetivo é que a população de baixa renda tenha acesso a moradia melhor”, diz vereador Isanoel Ditinho

O hoje vereador Isanoel Machado, popularmente chamado de Ditinho, é uma daquelas pessoas que você deseja ser amigo para o resto da sua vida.

No Faria Talks dessa quarta-feira (24), que durou 1h30, conversamos sobre a história, onde teve que ultrapassar as barreiras do impossível para conseguir, por exemplo, uma vaga de emprego.

Outra marca importante da sua trajetória é que ele sempre ajudou o próximo. Seja numa simples ação de entrega de ovos de Páscoa a entidades do município, seja numa reforma de uma casa para uma pessoa que precisa.

Hoje na Câmara pretende olhar para as pessoas que mais precisam. Um exemplo disso é o projeto de lei que ele está elaborando para proibir concessionária de energia ou o departamento de água a cortarem o fornecimento de luz e água, respectivamente, em épocas de feriados ou finais de semana prolongados e nas sextas-feiras após o 12h.

Uma outra ação, é de trazer à tona a discussão sobre a possibilidade de desmembramentos de terrenos residenciais de no mínimo 125 metros quadrados. Possibilitando a venda de terrenos mais baratos para a população de baixa renda, proporcionando acesso a moradia digna.

Assista o Faria Talks na íntegra:

Ou escute no Spotify:

PITACOS #88 – Fundeb, Esporte e Coronavírus

NOVO FORMATO

No Pitacos do Faria dessa terça-feira, dia 23, iniciamos um novo formato para dialogar com vocês. Além da nossa tradicional coluna escrita, desta vez, mais curtinha. Teremos também em vídeo e em áudio, onde aprofundaremos os assuntos.

MEMBROS

Na semana passada, lançamos a área de membros do Blog do Faria e o Pitacos do Faria agora é exclusivo para assinantes. Se você quer ler. Assine agora, por apenas, R$ 9,90 por mês. É mais barato que um cafezinho.

FUNDEB

Começamos essa coluna abordando dois assuntos que foram discutidos durante sessão ordinária da Câmara de Vereadores de Penápolis. O primeiro, foi o projeto de lei, em regime especial de urgência, enviado pelo executivo municipal, para a reestruturação do Conselho Municipal de Acompanhamento e Controle Social do Fundeb.

CONSELHO DE ESPORTES

Já o segundo projeto, que visava recriar o Conselho Municipal de Esportes e Lazer, foi adiado por duas semanas para que possa fazer as alterações necessárias. Eu mesmo apontei algumas questões que os vereadores levaram em consideração na hora de votar.

ANTECIPAÇÃO

Nesta segunda-feira, 22, a Câmara de Vereadores devolveu à Prefeitura de Penápolis R$ 100 mil de seu duodécimo para ser investido no combate ao Coronavírus.

RESPIRADORES

Como também, os prefeitos da microrregião de Penápolis conseguiram 10 novos respiradores para a Santa Casa de Misericórdia de Penápolis, junto à dois deputados federais que intercederam ao Ministério da Saúde.

Assista ou escute o Pitacos do Faria

“Parece que tem gente empatando, vamos apostar na nova gestão”, diz vereador Bruno César

O professor Bruno César (PSD) é uma grata surpresa na política local. Combativo, está lutando segundo ele mesmo diz – pelo certo.

Bruno foi estagiário de vôlei, trabalhou no comércio, atua em escolas públicas e particulares e agora empreende no seu negócio. Uma escola de contraturno escolar com matérias de reforços, como também, cursos para concursos.

No bate-papo dessa sexta-feira (19), ele comentou sobre os desafios de ser parlamentar, após sua vitória nas eleições municipais, obtendo 721 votos de confiança do povo penapolense.

Durante o encontro, falamos de saúde, do coronavírus e de medidas restritivas como o lockdown. Explicou sua ida junto com o vereador Paulinho do Esporte (DEM) ao Pronto Socorro após denúncia da falta de um medicamento.

E lembrou: “Parece que tem gente empatando, vamos apostar na nova gestão”.

Falou ainda de um episódio que ocorreu em 2014 com relação a uma festa junina de um colégio particular e ele ressaltou: “Faria tudo de novo e ainda com mais força” e completa: “cara não mexe com meus alunos, não fazem eles chorarem”.

Vale muito a pena assistir essa conversa na íntegra:

Se você preferir escutar:

Prefeito Caíque Rossi interdita parques e intensifica fiscalização

O Prefeito de Penápolis Caíque Rossi (PSD), interditou três parques do município e determinou a intensificação da fiscalização contra aglomeração de pessoas.

A medida que visa conter os avanços do Covid-19, foi divulgada na tarde dessa quinta-feira (18), em pronunciamento nas redes sociais.

Segundo Rossi, a interdição dos parques Maria Chica, Santa Leonor e Mais Parque é mais uma ação que se faz necessário para evitar o contágio e salvar vidas.

Além disso, ele anunciou o início da fiscalização de ranchos, quiosques e comércios que insistem em proporcionar a aglomeração de pessoas.

“A partir dessa sexta-feira, os fiscais da prefeitura sob o comando do chefe de gabinete Daniel Rodrigueiro, em parceria com a Polícia Militar do Estado de São Paulo estará nas ruas de manhã, tarde e noite, inclusive aos fins de semana para notificar e autuar aqueles que não cumpra as determinações sanitárias imposta pelo governo estadual”, salienta.

O mandatório disse ainda que essas medidas é para que não seja necessário tomar atitudes mais drásticas como o do lockdown em Rio Preto.

“Nós precisamos salvar vidas e os empregos de nossa cidade. Por isso, preciso contar com o apoio de cada um neste momento. Precisamos fazer o básico”.

Veja o pronunciamento na íntegra:

“As pautas minoritárias, pra mim são pautas prioritárias”, diz vereadora Jandinéia Fernandes

Na noite dessa quarta-feira (17), entrevistei a vereadora Jandinéia Fernandes (PT). Jandinéia foi eleita com o apoio de diversos professores ligados à Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo) – um dos maiores sindicatos da América Latina.

Mas, antes disso, Jandinéia é mulher, mãe e uma guerreira – como relatado por suas companheiras de trabalho – quando foi diretora da Escola Estadual Augusto Pereira de Moraes.

Durante a conversa, ela explicou que não se limitará as pautas ligadas à educação e que buscará ouvir bastante, principalmente, membros de seu partido político, afinal de contas, política não se faz sozinho.

Ela também falou da importância da Procuradoria da Mulher no âmbito da Câmara de Vereadores de Penápolis, trazendo para o foco das discussões todos os assuntos relacionados ao público – que por sinal é maioria em nosso município.

Falou também sobre as pautas minoritárias – que em outras legislaturas tiveram retrocessos – será sua prioridade. “As pautas minoritárias, pra mim são pautas prioritárias”.

Confira a nossa conversa na íntegra:

Se você preferir escutar:

“Talvez teremos que dar um breque, uma pausa ou um lockdown de uma semana”, diz Altair Reis

Altair Reis é um típico penapolense. Admirador da música sertaneja raiz, é apaixonado por sua família e ama estar entre as pessoas do campo.

Como ele mesmo diz: “sou meio xucrão”, mas, os princípios e valores ensinados a ele e seus oito irmãos, fizeram com que decidissem juntos se iria enfrentar o desafio de entrar para a política.

Com 895 votos, tornou-se o 4º mais votado das últimas eleições municipais em Penápolis. O resultado ele credita as pessoas que tinham a esperança na renovação do cenário político local.

Durante a entrevista, falamos de família, cultura e, claro, política. Com opiniões firmes, disse que o atual momento depende da união de todos e se for necessário dar um “breque” que assim o faça.

Confira a entrevista na íntegra.

Se você preferir escutar:

“Só através da educação política, conseguiremos construir uma sociedade mais justa”, diz Letícia Sader

A vereadora e presidente da Câmara Municipal de Penápolis, Leticia Takano Sader (MDB), foi a minha entrevistada na Live do Faria desta segunda-feira (15).

Na oportunidade, ela contou sua história após sofrer acidente que mudou sua vida. Cadeirante, ela é a primeira pessoa com deficiência a assumir a presidência do poder legislativo municipal.

Com pouco mais de 70 dias na vereança, ganhou o respeito dos vereadores e protagonizou diversas discussões.

Entre elas, o uso indevido de uma ambulância municipal em um evento clandestino e os encontros com os funcionários do Hospital de Campanha do Covid-19, que não receberam seus salários, após o fechamento da unidade.

Recentemente foi coautora do projeto de lei que instituiu a Procuradora da Mulher no âmbito da Câmara Municipal e que visa coloca as políticas públicas das mulheres no centro da discussão legislativa.

Confira a entrevista na íntegra:

Se você preferir escutar:

Blog do Faria lança área de membros

Os leitores do Blog do Faria passaram a contar a partir dessa segunda-feira (15), de uma área exclusiva para assinantes.

Neste início, os membros terão acesso completo as colunas do Pitacos do Faria, de séries de reportagens – como “Arte Culinária – que retrata histórias de cozinheiros e empreendedores do setor gastronômico do município de Penápolis” e outras que serão incluídas nos próximos dias.

Além disso, os membros terão acesso ao grupo do Telegram para receber as principais notícias e serviços antes de que todo mundo.

Iremos também sortear diversos produtos por mês.

SEJA MEMBRO

Para assinar o Blog do Faria, basta clicar no link “Seja membro”. Na loja, você verá todas as condições do plano.

Ao pressionar o botão “Seja membro agora”, você será redirecionado para a página finalizar compra. Neste momento, será necessário preencher todos os dados, incluindo as do cartão de crédito.

Toda compra é intermediada pelo Pagseguro do Pagbank.

PERFIL

Após a finalização da compra, você será redirecionado para a página inicial do site. Nele, você terá o link “Editar perfil”, com todas as informações da sua assinatura, como detalhes da conta, planos e informações de endereço, por exemplo.

LIVE

Para celebrar essa nova etapa, o Blog do Faria fará uma série de lives com os parlamentares da Câmara de Vereadores de Penápolis.

Nesta segunda-feira, Ricardo Faria conversou com a vereadora e presidente do Poder Legislativo Municipal, Letícia Takano Sader (MDB).

Na última eleição municipal, ela foi a mulher mais votada e tornou-se a primeira parlamentar cadeirante da história do município.

Nesta semana, ainda teremos os vereadores Altair Reis (Cidadania) nesta terça-feira (16). Paulinho do Esporte (DEM), na quinta-feira (18) e Professor Bruno César (PSD) na sexta-feira (19) e a vereadora petista e procuradora da mulher da Câmara de Vereadores, Jandinéia Fernandes na quarta-feira (17).

Vereador ‘Batata da Pizzaria’ pede reabertura do Hospital de Campanha

O parlamentar e segundo secretário da Câmara de Vereadores de Penápolis, Edson Bilche Girotto, o ‘Batata da Pizzaria (PSDB), solicitou nesta quarta-feira (10) à Prefeitura de Penápolis a reabertura do Hospital de Campanha do COVID-19 ou implantação de ala específica com mais 10 leitos de UTI para pacientes com a doença na Santa Casa de Penápolis.

“Existe fila de pacientes, em estado crítico, com espera por transferência da enfermaria para a UTI. O não atendimento rápido aumenta muito os riscos de novos óbitos”, relata Batata.

A medida ocorre diante da falta de vagas no setor, provocada pelo aumento da gravidade da pandemia no município de Penápolis.

Para Batata, o aproveitamento da estrutura física pronta do Hospital de Campanha – desativado no dia 5 de fevereiro – pode tornar mais rápida a viabilização de novos leitos de UTI.

“Na Santa Casa a demora seria maior em função da necessidade de adaptações”, explica na justificativa do requerimento.

Remédio

O vereador Batata também elaborou ofício à administração municipal na busca de informações sobre a falta do medicamento ceftriaxona, utilizado no tratamento da Covid-19, nas unidades básicas de saúde. Pelo documento ele questiona desde quando acontece o problema, motivos da sua causa e previsão de solução.

Com a indisponibilidade do remédio nos postos de saúde, os pacientes têm procurado atendimento com o mesmo no Pronto Socorro Municipal, o que causa aumento da sobrecarga na unidade de urgência e emergência.

(Com informações da Câmara Municipal de Penápolis)

Prestação de contas do Pronto Socorro é reprovada por Comissão de Avaliação

A Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Penápolis teve a prestação de contas do Pronto Socorro Municipal reprovadas pela Comissão de Avaliação dos recursos repassados à entidade.

O parecer final é do dia 25 de fevereiro e foi enviado para o prefeito Caíque Rossi (PSD) e ao secretário municipal de saúde, o médico Luiz Washington Bozzo Nascimento Filho para as devidas deliberações.

De acordo com o documento obtido com exclusividade pelo Blog do Faria, os apontamentos foram notificados à Irmandade através de cinco ofícios – sendo quatro de 2020, ainda na gestão do ex-prefeito Célio de Oliveira (sem partido) e um da atual administração.

“[…] este último tendo como prazo para respostas e justificativas de 15 dias da data do recebimento do mesmo, findando em 20/02/2021 e então não havendo resposta da Irmandade Santa Casa quanto ao documento a este endereçada, a Comissão de Avaliação de Recursos REPROVA as contas apresentadas pela AHBB […]”, conclui a comissão.

APONTAMENTOS

Entre os apontamentos da Comissão de Avaliação está a permanência de uma ex-funcionária do Pronto Socorro demitida em janeiro de 2020, na folha de pagamento do mês de junho do mesmo ano.

O relatório apresenta ainda a compra de um notebook no valor de R$ 3.099,00, com rubrica de software e de material de consumo, sendo que o produto figura como material permanente. A comissão solicitou a devolução total do valor.

Houve também um registro com relação a uma diferença de saldo entre março e abril do ano passado. Segundo a comissão, os relatórios apresentaram no final de março um saldo de R$ 337 mil e no início de abril de R$ 359 mil. Algo de R$ 22 mil a mais.

Câmara de Penápolis suspende acesso à público e vota apenas projetos de lei

A presidente do Poder Legislativo Municipal, Letícia Sader (MDB), assinou portaria suspendendo acesso do público às galerias do plenário da Câmara de Vereadores de Penápolis durante as sessões ordinárias e extraordinárias até o próximo dia 15 de março.

A medida que inicia nesta segunda-feira (8), reduz também a pauta das sessões apenas à Ordem do Dia – momento em que há discussão e votação dos projetos de lei, como também, o início das sessões.

“Pelas particularidades do momento, especialmente a de recomendação de restrição de circulação depois das 20h00, o início de sessão fica antecipado para às 19h00, com limitação da pauta à apreciação, discussão e votação da “ordem do dia”, explica o artigo 3 da portaria assinada pela presidente Letícia Sader.

De acordo com Sader, o momento é de convergir esforços para a contenção da propagação do vírus da Covid-19, evitando aglomeração de pessoas em espaços públicos, especialmente, em recintos fechados, o que potencializa a transmissão da doença e os riscos de epidemia.

A presidente levou em consideração a regressão à fase vermelha em todo o Estado de São Paulo anunciada pelo governador João Dória Jr. (PSDB) durante os próximos 14 dias, bem como, o controle do fluxo de público em outros poderes.

IMPRENSA

A suspensão não afeta os representantes da imprensa que poderão acompanhar as sessões legislativas dos próximos dias 8 e 15 de março. Contudo, será permitida a presença de apenas um representante de cada órgão da imprensa local.

Penápolis já vacinou mais de 5,7 mil pessoas

O município de Penápolis já vacinou 5,706 mil pessoas, desde o início da vacinação em 21 de janeiro. A informação é do Programa de Imunização do Governo do Estado de São Paulo.

De acordo com o programa, 4.256 receberam a 1ª dose da vacina contra o coronavírus, enquanto 1.450 a 2ª dose. Ao todo foram enviados ao município 6.682 doses para a cidade.

Em Penápolis, na primeira etapa da vacina foram priorizados os profissionais da saúde que atuam na linha de frente ao combate da Covid-19, além dos trabalhadores e residentes de instituições de longa permanência e de residências inclusivas.

Desde o início de fevereiro, o município já vacinou os idosos com mais de 90 anos, entre 85 e 89 anos, entre 80 e 84 anos e com idade até 77 anos.

SISTEMA DRIVE-THRU

Neste sábado (6), os idosos de 77 a 89 anos se vacinaram no sistema drive-thru que aconteceu no estacionamento do Garden Shopping.

A vacinação foi exclusiva para a aplicação da primeira dose nos idosos desta faixa etária.

O município recebeu nesta sexta-feira (05), 640 doses da Coronavac, para a vacinação da primeira dose em idosos acima de 77 anos e para a aplicação em idosos acamados, conforme orientação da Secretaria Estadual de Saúde.

Até o momento, a cidade recebeu 49% da grade estimada para vacinação de idosos de 77 a 79 anos.

Penápolis não adere consórcio de municípios para a compra de vacinas contra a Covid-19

A gestão do prefeito Caíque Rossi (PSD) e da vice-prefeita Mirela Fink (Podemos) não fez a inscrição da cidade de Penápolis ao consórcio de municípios para a compra de vacinas contra a Covid-19, coordenado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP).

De acordo com a entidade, o prazo para a adesão terminou às 12h dessa sexta-feira (5) e obteve um total de 1.703 prefeituras inscritas. Entre elas, estão as cidades de Alto Alegre, Avanhandava e Barbosa.

A FNP informou que pretende constituir legalmente o Consorcio até o próximo dia 22 de março para, depois disso, viabilizar a compra dos imunizantes.

Salientaram ainda que os custos para formalização legal do consórcio público serão pagos pela própria entidade. Já os municípios terão 15 dias para aprovar projeto de lei nas Câmaras Municipais que autorizam a adesão ao consórcio.

Contudo, somente após a constituição, a obtenção do CNPJ e a escolha da diretoria, o consórcio estaria apto para a compra das vacinas.

INTENÇÃO

No início de fevereiro, o prefeito Caíque Rossi (PSD), havia publicado em sua rede social, cópia do ofício 037/2021 enviado a Embaixada da Rússia no Brasil, manifestando a intenção de comprar a vacina “Sputnik V”.

“Na ocasião da abertura de negociações com as Prefeituras Municipais do Brasil, gostaríamos de solicitar que a Prefeitura Municipal de Penápolis estive neste rol”, solicitou o prefeito à época.

MOVIMENTO

O movimento das cidades por mais vacinas teve início após o Supremo Tribunal Federal (STF) autorizar que estados e municípios possam comprar e distribuir doses do imunizante.

A ideia é de usar recursos do governo federal para compra de vacinas, mas, a transferências de verbas por organismos internacionais, participação da iniciativa privada ou mesmo a compra via cota dos municípios serão discutidas.

A FNP salientou que o consórcio tem interesse em todas as vacinas que não estiverem no escopo do Ministério da Saúde, mas, que possuam aprovação para utilização na Anvisa ou em organismos internacionais.

Presidente da Irmandade da Santa Casa diz que sistema de saúde está colapsando

O presidente da Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Penápolis, Francisco Firmino, afirmou na manhã dessa sexta-feira (5), que o sistema de saúde está colapsando. O pronunciamento foi realizado através de uma transmissão ao vivo de dentro do hospital.

De acordo com Firmino a saúde está sofrendo um ataque abrupto da doença. “Neste exato momento está com os 10 leitos de UTI de Covid completamente lotados. Isso vem acontecendo desde a última quinta-feira passada”, explicou.

O presidente afirmou ainda que está vivendo um caos. “A nossa ala de Covid que são 32 leitos, está com aproximadamente 64% da sua área totalmente tomada. Nós estamos vivendo um caos. Nossas cidades vizinhas como Avanhandava está sendo muito prejudicada. Penápolis também. Vocês estão acompanhando as tragédias que estão acontecendo”, salientou.

APELO

Firmino que também é pastor evangélico fez um apelo à população. “Pelo amor de Deus se cuidem, se cuidem, não relaxem, a coisa realmente está ficando muito séria. Em matéria de Brasil nós estamos muito atrasados, não só na questão da vacina, mas, principalmente na forma de como lidar com o vírus. A doença não tem partido político. A doença não tem preconceito com classes sociais. Então, UTI 100% e com gente precisando de internação para entrar na UTI e não tem mais vaga”, enfatizou.

E completou: “Nós estamos a beira do colapso”.

Confira o pronunciamento na íntegra:

Prefeitura de Penápolis anuncia compra de 4 novos respiradores

O secretário municipal de saúde, Luiz Washington Bozzo Nascimento Filho, anunciou no início da tarde dessa sexta-feira (5), durante o programa Canal Direto da Prefeitura de Penápolis, que a administração municipal adquiriu quatro novos respiradores.

Os detalhes com relação a valores de cada equipamentos e dados da empresa vencedora do processo licitatório não foram divulgados. Já os recursos advêm da Ação de Enfretamento ao Covid-19 no Ministério da Saúde.

Os equipamentos serão cedidos para a Santa Casa de Misericórdia de Penápolis que usarão, neste primeiro momento, em leitos de UTIs para o tratamento de pacientes com Covid-19.

Nesta semana, a UTI atingiu a lotação máxima em duas oportunidades – na última segunda-feira (1º) e nesta sexta-feira (5).

NOVOS LEITOS

Na última terça-feira (2), o prefeito Caíque Rossi (PSD) anunciou nas redes sociais, a habilitação de 10 novos leitos para a Santa Casa de Penápolis, no valor de R$ 480 mil por mês. A confirmação foi publicada no Diário Oficial da União.

NÚMEROS

Na última atualização do Boletim Coronavírus, o município de Penápolis registrou 73 novos casos positivos da doença, totalizando 3.828 casos. Desde o início da pandemia, já morreram 79 penapolenses.

Já com relação a ocupação de leitos, dos 32 leitos disponíveis na enfermaria, 20 estão com pacientes, totalizando 62,5% da capacidade. Nos leitos de UTI, os 10 estão sendo usados, totalizando os 100% de ocupados. Os leitos ventilatórios não estão ocupados.

apoie o jornalismo independente