Barbudo de opinião
seja membro

Advogado de OS assume processo do prefeito Célio de Oliveira no TJ-SP

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on linkedin
Share on twitter
Parte I

O prefeito de Penápolis, Célio de Oliveira (PSDB), substituiu no último dia 26 de fevereiro, o advogado Claudenir Pigao Micheias Alves, da ação que o condenou em 2ª instância no Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo (TJ-SP), a perda do cargo público e dos direitos políticos por cinco anos e o pagamento de multa de 50 vezes o salário de prefeito na época – de R$ 15.301,23 – num total de R$ 765.061,50, por contratar empresa, sem licitação, para realizar concurso público no ano de 2013. O novo advogado é Luciano Abreu Oliveira. (FIGURA 1)

AS IMAGENS ESTARÃO NO FINAL DA REPORTAGEM. 
 
O advogado, que segundo o site da OAB SP (Ordem dos Advogados do Brasil), possui escritório em São Paulo, atende também a Organização Social Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de Birigui – que no dia 6 de dezembro de 2017, assinou contrato de cogestão de mais de R$ 10 milhões, com a Prefeitura de Penápolis para gerenciar, operacionalizar, executar as ações e serviços de saúde, em regimento de 24 horas por dia no Pronto Socorro Municipal de Penápolis.
 
Luciano aparece na ação popular que servidora pública municipal, Maria José Francelino, a Zezé, ingressou na justiça local para anular o processo de qualificação das OSs, assinando um ofício ao presidente da Comissão de Acompanhamento de Contratos da Secretaria de Saúde de Penápolis (FIGURA 2), onde envia no dia 10 de dezembro de 2017, o Regulamento de Compras e Contratação de Obras e Serviços da entidade à prefeitura (FIGURAS 3 e 4). De acordo com o documento, o regulamento foi escrito um dia antes pelo próprio advogado. 

 
O presidente da Comissão de Acompanhamento de Contratos é um funcionário de carreira da Prefeitura de Penápolis. Ele assinou, junto com outras duas pessoas, a carta de anuência aprovando o Regulamento de Compras e Contratação de Obras e Serviços da entidade. (FIGURA 5). 
 
EMBARGOS
No dia 5 de março, o advogado protocolou dois embargos de declaração referente ao processo que está sendo julgado na 3º Câmara de Direito Público do Tribunal de Justiça de São Paulo. O pedido é para que o relator esclareça alguns pontos da decisão liberada no início de fevereiro. O Blog do Faria não teve acesso ao conteúdo.        
 
OUTRO LADO
O Blog do Faria enviou diversos questionamentos, via e-mail, para o prefeito Célio de Oliveira, para a Secretaria de Comunicação da Prefeitura de Penápolis, bem como, para o advogado Luciano Abreu Oliveira, mas nenhum deles, até o momento, responderam as nossas perguntas. 

FIGURA 1
FIGURA 2
FIGURA 3
FIGURA 4
FIGURA 5

Como você está lendo este texto hoje, tenho um pequeno favor a pedir. É sabido que estamos em momento de crise e incerteza, mas, a solidariedade e a esperança é que me move todos os dias.

Dezenas de leitores, deram um passo para nos apoiar financeiramente. Isso nos mantem abertos e independentes. Ao contrário de outros portais de notícias, o jornalismo profissional do Blog do Faria está disponível para que todos possam ler, independentemente se podem pagar ou não.

Afinal, acreditamos na informação e como ela pode impactar as pessoas, comunidades e/ou inspirá-las a realizar seus sonhos e objetivos. Meu objetivo é oferecer aos leitores uma perspectiva crítica de ações de governo – seja ela, de qual esfera de poder for, pois acabam moldando a realidade a que estamos inseridos.

Cada contribuição, fortalece nosso jornalismo profissional. Apoie o Blog do Faria com apenas R$ 9,90/mês.

comentários

Os comentários não representam a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem.

ASSINE A NOSSA NEWSLETTER

Lembre-me no mês que vem

Enviaremos a você no máximo duas mensagens no mês que vem.

Comunicar erro

Comunique ao Blog erros de português, de informação ou técnicos encontrados nesta página:

Advogado de OS assume processo do prefeito Célio de Oliveira no TJ-SP

BLOGDOFARIA

Barbudo de opinião

Envie sua notícia