fbpx

Mayra Pedro Rosa é demitida da Emurpe; Márcia Arriero assume vaga

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on telegram
Share on pinterest
Share on email
Share on print

A administradora Mayra Pedro Rosa foi demitida, na tarde dessa terça-feira (20), do cargo de Chefe Administrativo e Financeiro da Empresa Municipal de Urbanização de Penápolis (Emurpe). No lugar dela assume a servidora municipal e ex-vereadora Márcia Arriero Marin.

As portarias que exonera Mayra Pedro Rosa e a que nomeia Márcia Arriero foram publicadas na edição dessa quarta-feira (21), do Diário Oficial do Município de Penápolis.

Mayra assumiu o cargo em maio de 2017, na recondução do prefeito Célio de Oliveira (sem partido) à prefeitura, após processo no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), que solicitava a cassação de mandato.

Mas, desde janeiro desse ano, após a Administração Municipal iniciar o processo de incorporação da Emurpe à Prefeitura de Penápolis, Mayra ficou responsável por todos os atos administrativos e financeiros da empresa.

“tiraram tudo da minha responsabilidade e ao mesmo tempo eu tinha que ser a responsável por tudo, pois era minha função ali. E me usaram apenas para assinar documentos”, explica Mayra que diz sido perseguida por meses dentro da administração.

“Perseguição a ponto de me excluírem do grupo de whats [WhatsApp] que eu fazia parte, antes mesmo de ser demitida. Perseguição a ponto de convidarem para reuniões meus funcionários e não a chefe responsável que era eu. Me excluíram de tudo e apenas me encaminhavam documentos para que eu assinasse sem ao mesmo saber do que tinha sido tratado. Eu tinha meus funcionários do meu lado, por isso sabia o que estava assinando e acontecendo, pois se não fosse isso não saberia de nada”, salienta.

GRANDEZA

Mayra disse ainda que faltou grandeza por parte do prefeito de Penápolis, Célio de Oliveira. “Saíram comigo. O Sr. Prefeito não teve nem a nobreza de me entregar a portaria. Um secretário me chamou as 16h50 do dia 20 e comunicou minha demissão. Tudo pronto pois já existe uma substituta para a vaga”, diz.

O secretário que entregou a exoneração foi o secretário de finanças, Ênio Cesar de Almeida.

ARQUIVADO EM:

Deixe sua opinião sobre o assunto...

COMPARTILHE ESTE POST

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on telegram
Share on pinterest