fbpx

PITACOS #34 – VEREADORES PRECONCEITUOSOS

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on telegram
Share on pinterest
Share on email
Share on print

Educação

Na última segunda-feira (14), a Câmara Municipal de Penápolis votou e aprovou por unanimidade o PME (Plano Municipal de Educação). A construção do Plano demorou alguns meses para ser construído, pois, tinham que aliar as 20 diretrizes do PNE (Plano Nacional de Educação), com os anseios da sociedade penapolense. Tanto é que foi realizado em setembro desse ano a Conferência Municipal de Educação e na oportunidade foram discutidos exaustivamente todos os pontos com professores, alunos e pais, extraindo um documento condizente com a realidade atual da cidade, do país e do mundo.

Emenda

Entretanto, após a aprovação, os 13 vereadores assinaram e aprovaram uma emenda que suprimiu o termo ‘identidade de gênero’ e a palavra ‘gênero’ de todo o texto do Plano Municipal de Educação. Um verdadeiro retrocesso! Pois, tal atitude só reafirma que nós temos uma sociedade ultraconservadora e que faz a todo custo limar os direitos daqueles que possuem orientação e/ou identidade diferente da maioria. Não é porque tiraram do Plano, que não vamos estimular nossos professores a suscitar a discussão sobre as questões de gênero em sala de aula.

Mobilização

Quem disser que a sociedade não está atenta para as discussões que acontecem na Câmara Municipal estará mentindo. Pois, algumas horas depois, diversas pessoas se mobilizavam pelas redes sociais; além de conselhos como da juventude e dos direitos da mulher e organizações como a Umesp (União Municipal dos Estudantes Secundaristas de Penápolis) e do Coletivo Feminista ‘Cora Coralina’ criaram notas de repúdio e pediram que o Prefeito Célio de Oliveira (PSDB) vetasse veementemente a emenda. Isso mostra que a sociedade organização está atenta e ações retrógradas, conservadora e preconceituosa de cada um dos vereadores.

Veto

Na manhã de ontem (17), o Conselho Municipal de Juventude entregou a nota de repúdio à Câmara Municipal ao prefeito e solicitamos que vetasse a emenda. Anteriormente, o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher também havia solicitado. De certo é que o Plano Municipal de Educação já foi aprovado e de num eventual veto do Célio de nada atrapalharia o PME.

Interesses

Por trás desse possível veto ou não da emenda ao Plano Municipal de Educação diversos interesses. O primeiro deles seria a criação da Secretaria de Negócios Jurídicos – caso o prefeito vete a emenda poderia perder votos importantes para aprovação da pasta. O segundo é da mobilização, principalmente, das igrejas evangélicas, com discursos higienista e de preservação do núcleo familiar tradicional. E o terceiro é político, visto que estamos aproximando de um período eleitoral, onde poderá usar contra o atual prefeito discurso de que ele é a favor dos homossexuais e contra a família.

Curiosidades

O que me chamou a atenção é que dois vereadores – Lucas Casella [PROS] e Joaquim Soares [PDT] participaram ativamente da construção do Plano Municipal de Educação e os mesmos posteriormente concordaram com tal emenda. Aí fica a pergunta: O que fizeram mudar de ideia? Queremos saber!? Esse espaço está aberto para que na próxima coluna possam responder. Além disso, o próprio PT [Partido dos Trabalhadores] que sempre tiveram [a nível nacional] pautas progressistas, mostrou-se conservadores. Mesmo tendo passado de relevantes conquistas nas políticas da criança, adolescentes e jovens e da primeiríssima infância.

Manifestações

Desde junho de 2013, quando os jovens foram às ruas por causa dos R$ 0,20, estourou no Brasil uma onde de manifestações pró ou contra os governos municipais, estaduais e federal. Aqui em Penápolis, teve seu ápice em julho de 2013, quando de forma popular [organizado por jovens] sem nenhum partido ou instituição por trás levamos mais de 500 pessoas para a manifestação. De lá pra cá, todas as manifestações que foram conduzidas por alguém ligado a um partido político ou instituição contra o governo posto legitimamente pelo povo, falharam na mobilização e não conseguiram levar 100 pessoas às ruas. Isso mostra que a figura política está manchada e algo de novo virá no próximo ano.

Salário Mínimo

Foi interessante, o vereador Zeca Monteiro (PT) levantar uma discussão a cerca do salário mínimo para vereadores, proposto em diversas partes do país e que não é diferente por aqui. Ele comentou que se fosse proposto que deveria ser o salário base do menor salário da prefeitura. [Algo em torno de R$ 1.800,00]. E você é a favor ou contra o salário mínimo para os vereadores?

Juventude

Desde quarta-feira está rolando em Brasília (DF), a 3ª Conferência Nacional de Juventude. E na abertura estiveram presentes a presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente do Uruguai Pepe Mujica, que falou entre outras coisas sobre o moderno projeto de lei que descriminaliza e libera a venda de forma controlada da Maconha, eliminando o narcotráfico no país vizinho. Já a Dilma, anunciou que o disque 100 passará receber também denúncias sobre crime de racismo.

Adefipe

A Adefipe (Associação dos Deficientes Físicos de Penápolis), realiza amanhã (19), a eleição para diretoria executiva e o conselho fiscal da entidade para o biênio 2016/2017. O pleito acontece das 15h às 17h na sede da entidade, situada na avenida Olsen, 463, centro, em frente ao Educandário Coração de Maria.

Alguma sugestão, crítica ou elogio mande para pitacos@blogdofaria.com.br. E acesse: www.blogdofaria.com.br.

ARQUIVADO EM:

Deixe sua opinião sobre o assunto...

COMPARTILHE ESTE POST

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on telegram
Share on pinterest