fbpx

RAZÕES PARA NÃO IR MAIS À IGREJA

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on telegram
Share on pinterest
Share on email
Share on print
Dia após dia me convenço de que minha decisão de não ir a igreja está certa. (Isso não quer dizer que deixei de acreditar em Deus). 
Mas ver e ouvir de cristãos o que anda acontecendo nas igrejas locais me deixa extremamente triste. E o problema é que em sua maioria, os pastores e pastoras são prepotentes ao ponto de acharem que estão fazendo a coisa certa. 
Igrejas com mais de 600 membros, sendo na sua maioria de jovens proibindo-os de frequentarem eventos cristãos com a justificativa de excluí-los da congregação. 
Outras que monta grande templo em bairro periférico, com a justificativa de ganhar os pobres, mas dentro da sua própria igreja não comunhão entre os membros ficando somente na forma. E o pior fazendo campanha de oração para intervir “celestialmente” na vinda de um pastor na cidade. 
Mas o pior é ver igrejas tradicionais sendo tomadas por regulação econômica – afastando antigos membros por causa de ameaças de outros membros que tem “dízimos gordos” com a justificativa que não podemos perder esse dinheiro. 
Essas igrejas fazem parte do Conselhos de Pastores de Penápolis, que mesmo tendo em sua presidência Rodrigo Sonsino – pastor moderno e com uma vida reta perante a Deus, afinal de contas, já morei em sua casa e sei da sua retidão. Mas, alguns dos pastores que integram o colegiado são extremamente conservadores capazes de fazerem coisas escabrosas em nome de Deus. 
Até mesmo fazendo um levante contra a conferência que terá a presença do Pr. Ariovaldo Carlos Jr., homem de Deus e líder da igreja Manifesto (ligada ministerialmente ao Ministério Sal da Terra). 
Ele é pós-moderno e sabe usar brilhantemente as redes sociais como Youtube e Facebook, não é a toa que ele tem mais de 75 mil seguidores. Ele é o idealizador do projeto Bíblia Freestyle  – proposta de leitura bem humorada das Escrituras Sagradas, interagindo com a cultura pop da geração Y. 
Ele explica que não é uma tradução, que não possui fins acadêmicos e nem sequer a pretensão de substituir uma leitura bíblica integral. Mas, quem sabe, com um pouco de humor, muitos que nunca tiveram contato algum com o texto bíblico sejam animados a estudar e aprender um pouco mais.
Esse pastor vem sendo acusado de satanista por diversos ‘irmãos na fé’, inclusive que ele apanharia se ele viesse para a cidade. Será essa a melhor atitude de um irmão penapolense?
Toda essa polêmica fez com que o pastor gravasse um vídeo para explicar a situação. Onde no final e com muita razão ele diz: “Se eu conseguir em trinta minutos desfazer todo o ensino bíblico que você dedicou a sua vida a dar a essas pessoas, então com certeza você é um péssimo pastor” e ainda convoca os cristão para irem e se no final não satisfeito façam perguntas. 
Como pode “homens e mulheres de Deus” tomarem tal atitude? É por essas e outras que não vou mais nessas igrejas. Ah e hoje vou lá ver o pastor e comungar com ele a vitória de nome de Cristo Jesus. E se eu ver que a igreja está mudando eu volto com todo prazer, afinal é a casa de comunhão de nosso Pai Celestial. 

ARQUIVADO EM:

Deixe sua opinião sobre o assunto...

COMPARTILHE ESTE POST

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on telegram
Share on pinterest