fbpx

Amigos do CISA criam “vaquinha” online para doações em dinheiro

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on telegram
Share on pinterest
Share on email
Share on print

Um grupo de amigos do Consórcio Intermunicipal de Saúde (CISA) criou na manhã dessa quinta-feira (14), uma “vaquinha” online para a arrecadação de dinheiro que será usado para a manutenção dos atendimentos humanizados que a associação pública se propõe a fazer há mais de 30 anos.

O objetivo da campanha é de arrecadar R$ 1 milhão até dia 31 de dezembro. Em pouco mais de seis horas no ar, a campanha já arrecadou R$ 175,00 em três doações. Para fazer a doação, basta clicar aqui.

A campanha surge no mesmo momento que o CISA leva um duro golpe da Prefeitura de Penápolis – que anunciou não ter dinheiro para pagar a dívida de mais de R$ 540 mil – mas que num ‘passe de mágica’ divulga a criação de um serviço ambulatorial próprio – sem dotação orçamentária e uma milagrosa economia de valores. 

Além disso, nesta semana, a administração do prefeito Célio de Oliveira, não repassou, pelo menos, R$ 115 mil de valores pactuados com o Ministério da Saúde com referência SUS (Sistema Único de Saúde), ocasionando o atraso de salário de, ao menos, 90 servidores que trabalham no CISA.

CISA
Criado em 1986, o CISA é um órgão que congrega os municípios de Alto Alegre, Avanhandava, Barbosa, Braúna, Glicério, Luiziânia e Penápolis, e disponibiliza à micro região serviços de saúde para uma população estimada em mais de 100 mil pessoas.

Segundo o próprio órgão, estes serviços foram criados visando à racionalização dos recursos da área de saúde, e a garantia de prestação de serviços especializados.

Atualmente, as unidades de saúde que compõem o CISA são:
a) Clínica de Especialidades
Ambulatório de Especialidades
SAE – DST/HIV/AIDS

b) Unidade Integrada de Saúde Mental – UNISAM
Centro de Atenção Psicossocial – CAPS II e CAPS AD (ÁLCOOL E DROGAS)

c) Laboratório Local Adolfo Lutz de Análises Clínicas

d) UAC – Unidade de Avaliação e Controle

ARQUIVADO EM:

Deixe sua opinião sobre o assunto...

COMPARTILHE ESTE POST

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on telegram
Share on pinterest